Uma conspiração de estúpidos – John Kennedy Toole

Imaginem o filme “The police academy”, logo o primeiro. Já está? Certo. Agora, logo nas primeiras imagens aparece o Homer Simpson, muito aparvalhado, sem perceber nem muito bem, nem muito mal, o que está ali a fazer. 

Mais apatetados ainda estão os policias a tentar digerir o que raio está ali a fazer um desenho animado no meio de um filme! Ainda sem tempo de digerir esta confusão toda, eis que surge o resto dos personagens todos, mas todos, dos Simpsons. 

Ok. Imaginando tudo isto na década de sessenta, em New Orleans e eis que se instala o caos a cada parágrafo, não é a cada capítulo. Desde um vendedor de cachorros quentes, que come até dar prejuízo, a um polícia de serviço dentro de uma casa de banho pública, strip tease com araras, uma velha que não sabe que já se reformou, manifs sexuais e fábricas de calças… temos em “Uma conspiração de estúpidos” do falecido, que não chegou a ver a publicação do seu livro, John Kennedy Toole, um trabalho que “(…) Hoje está considerado como parte do cânon de literatura cómica universal.”.

Ah! Já quase que me esquecia: de vez em quando passa assim a correr, como quem não quer a coisa… o Forrest Gump.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.