Maldita ressaca?

expressoAgradeço a “Maria Fernanda Pedroso” pelo alerta acerca dos perigos do álcool. Já há muito tempo que não postava nada a esse respeito. O alcoolismo lá vai passando e ressacando e nós vamos-nos esquecendo de que é uma doença socialmente aceitável, tolerada e até mesmo estimulada. Lembrem-se que por cada alcoólico sofrem quatro pessoas. Pensem um pouco, olhem à vossa volta e dêem mais do que um bom-dia ao vosso vizinho. Esta notícia do Expresso é um bom exemplo de como a preocupação é no prazer fácil e imediato, não tem em conta as eventuais consequências nefastas dos actos.

“Arrisca-se a ser o lado menos agradável da sua passagem de ano, mas se recebeu 2010 com uns brindes a mais que o desejado, não tem outro remédio a não ser esperar. É que, contra os excessos de bebida e apesar dos muitos remédios e mezinhas apregoados, não há outro antídoto além do tempo. É científico. “Quando alguém ingere álcool a mais, este é absorvido e nada o tira do sangue”, afirma Rui Tato Marinho, hepatologista e dirigente da Sociedade Portuguesa de Gastrentologia. Para este especialista, os produtos que anunciam ter a a capacidade de anular os efeitos adversos do pós-bebedeira, não passam de “um negócio”. Nem pastilhas de ácido ascorbótico, nem cafeína, nem nomes mais estranhos como glucoronamida. Pode sempre recorrer ao velho Guronsan, mas várias pesquisas são unânimes em reconhecer que qualquer medicamento pode tanto contra o excesso de álcool como a alcachofra ou o chá de camomila. Pior que a ressaca, Rui Tato Marinho alerta para outros efeitos negativos do álcool: “Violência, acidentes de viação e sexo desprotegido”, além do abuso provocar também a diminuição das defesas do organismo. Posto isto, a única receita eficaz contra a ressaca resume-se pois a uma evidência: não beber. Tarde de mais, não é? Então tenha paciência e votos de rápidas melhoras.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s